Revestimento para banheiro: dicas e aplicações

Revestimento para banheiro

Escolher o revestimento para banheiro é uma das decisões mais importantes na hora de planejar uma construção ou reforma. Isso porque esse cômodo precisa unir uma série de qualidades, como boa funcionalidade e conforto para todas as pessoas que o usarão.

Com tantos tipos e opções disponíveis no mercado, investir no revestimento de parede no banheiro nem sempre é uma missão simples. Além disso, para ter o resultado esperado na decoração do banheiro, é fundamental contar com o suporte de um profissional de decoração ou arquitetura para projetar e selecionar os materiais a serem utilizados.

Por exemplo, se a ideia é montar um banheiro mais simples, busque combinar todos os materiais escolhidos e considere as cores e acessórios do cômodo, como bancadas, cubas, gabinetes, armários planejados, etc.

Quer saber tudo sobre revestimento para banheiro? Então, continue a leitura, pois separamos dicas, explicamos características dos variados modelos e muito mais!

Quando colocar o revestimento para parede

Embora seja necessário escolher o revestimento para parede durante o planejamento da construção ou reforma, o momento da instalação é mais no final do projeto.

Por praticidade, os revestimentos devem ser colocados somente após a instalação hidráulica e do ralo, e da aplicação do piso.

Tipos de revestimento para banheiro

Como destacamos anteriormente, existem diferentes tipos de revestimentos para banheiro, então, para escolher a melhor opção é essencial entender a distinção entre eles.

Você deve se atentar aos seguintes pontos:

  • Características do material;
  • Durabilidade;
  • Resistência;
  • Especificações do fabricante, especialmente as orientações sobre instalação e manutenção (alguns revestimentos não podem ser limpados com certos produtos químicos, ou precisam de impermeabilização, etc).

Além desses pontos, existe uma diferença que merece um destaque especial: a base vermelha e branca.

Leia também: Como realizar a impermeabilização de banheiro

Base vermelha

No geral, a base vermelha é produzida através do processo via seca, ou seja, não leva água em sua composição. Além disso, ela é composta por poucos componentes e usualmente o verso desses revestimentos são mais escuros.

Base branca

Já a base branca, que não é necessariamente branca, mas sim, bem clara e rosada, é feita pelo processo via úmida, com água e muitos componentes. Essa forma de fabricação resulta em uma superfície mais uniforme, que possibilita um acabamento mais refinado, acetinado ou brilhante.

Eles contam com mais componentes minerais e são encontrados em cores mais claras.

Diante dessa comparação, qual é a melhor opção?

Isso depende!

De maneira geral, os materiais e o processo de fabricação do verso afeta diretamente na superfície do revestimento, em outras palavras, a parte visível após a instalação.

Os revestimentos base branca, de fato, conferem um acabamento mais sofisticado. No entanto, lembre-se de considerar o seu orçamento para a reforma, afinal, os preços também influenciam na hora de escolher entre base vermelha e branca.

Qual melhor revestimento para banheiros?

Por ser uma área molhada, o banheiro exige uma atenção especial na hora de selecionar o revestimento ideal. Entre os principais modelos, destacamos os revestimentos cerâmicos e os porcelanatos.

Além de contarem com um visual moderno e elegante, esses dois revestimentos são mais práticos na hora de limpar e evitam problemas como descascamento da tinta e manchas nas paredes.

Confira abaixo mais informações sobre esses modelos e outras variações:

Cerâmica

Revestimento cerâmico

revestimento cerâmico é um dos mais requisitados, sendo a escolha perfeita para quem busca custo-benefício na hora de reformar o banheiro.

Esse material traz uma ótima resistência e vasta variedade de opções no mercado, com diferentes cores e formatos. É possível, por exemplo, encontrar peças com texturas que remetem a inúmeros materiais, como madeira e pedras.

Além disso, o preço é mais um atrativo e facilita a troca de peças quando há necessidade.

Vale destacar que no momento da compra, verifique a resistência do material (PEI). A recomendação é que seja maior do que 3 para o banheiro.

Porcelanato

Porcelanato

Outra opção interessante (e mais cara) é o porcelanato.

Considerado um revestimento mais nobre, ele é menos escorregadio e apresenta uma resistência maior.

Assim como a cerâmica, você pode encontrar porcelanatos com texturas diferentes, de acordo com o fabricante da peça.

Informação importante: além do custo do material, lembre-se de contabilizar o valor da mão de obra especializada para a instalação do revestimento de porcelanato.

Pastilhas

Pastilhas

As pastilhas são uma opção bem versátil, já que podem ser encontradas nos seguintes materiais: vidro, cerâmica, metal e inox.

Por conta disso, conquistaram espaço nos projetos de reformas, apresentando diferentes materiais e cores.

Entretanto, reforçamos que é fundamental escolher cuidadosamente o local onde aplicar esse revestimento, pois nos pisos, por exemplo, elas podem desgastar com o tempo.

Ladrilho hidráulico

Quer um ar de nostalgia na sua decoração de banheiro? Então, a melhor aposta é o ladrilho hidráulico!

No mercado, você encontra inúmeras versões de ladrilho, inclusive alguns modelos com visual mais retrô.

Porém, planeje muito bem toda a composição do ambiente, afinal, o ladrilho deve estar em harmonia com os outros elementos.

Informação importante sobre a instalação do ladrilho hidráulico: por ser assentado com junta seca, não há espaçamento entre as peças.

Revestimento adesivo

Se você quer renovar o visual do seu banheiro de forma prática, rápida e fugindo do quebra-quebra, precisa conhecer o revestimento adesivo.

Ele pode ser instalado diretamente em cima da cerâmica pré-existente no cômodo, basta limpar bem a superfície, esperar secar e colar.

Caso o seu banheiro tenha paredes irregulares, a dica é fazer uma correção com massa corrida para deixá-las uniformes.

Destacamos que o revestimento não é indicado para áreas molhadas, como perto do chuveiro ou banheira.

Revestimento 3D

Por fim, conheça o revestimento 3D, sinônimo de personalidade e modernidade na decoração.

A ideia do revestimento tridimensional traz uma sensação de movimento no banheiro, aumentando ainda mais o destaque da parede no qual é aplicado.

Já decidiu qual produto utilizar? Confira os pisos e revestimentos disponíveis na Obramax!

Como escolher o revestimento ideal

Depois de conhecer todas essas opções, a dúvida que fica é: como escolher o revestimento para banheiro?

Esse tipo de material não possui apenas a função decorativa, mas também atua como um forte aliado na proteção contra os efeitos da umidade do cômodo.

Há tantas opções de revestimento no mercado atualmente que pode parecer difícil escolher a ideal para o seu banheiro. Mas não precisa ser assim. Então, confira nossas dicas antes de ir às compras!

  • Local de instalação: antigamente, o padrão era revestir todo o banheiro. Contudo, de uns tempos para cá, houve uma mudança nesse tipo de decoração. Essa ideia de revestir toda a área do cômodo só é indicada no caso de banheiros que ficam no centro da planta do imóvel, sem ventilação natural ou pouco iluminados.Se você não tiver problemas com ventilação e iluminação, uma alternativa é instalar revestimento dentro do box e sobre a pia, que são áreas em contato frequente com água.Nesse outro artigo, falamos exclusivamente sobre box para banheiro: Box para banheiro: tipos, materiais, revestimentos e acessórios!
  • Tamanho do banheiro: essa dica é voltada principalmente para banheiros pequenos, uma vez que nesse caso, dependendo das peças compradas elas deverão ser cortadas e o desperdício de material tende a ser maior.Então, lembre-se de conferir as medidas do cômodo e escolher peças proporcionais para evitar a perda do material.Uma maneira de minimizar desperdícios é dividir a maior medida do ambiente por dois até chegar em uma dimensão que seja comercializada.

Para saber a quantidade que deve ser comprada, calcule a área total que receberá o revestimento, multiplique a largura de cada parede do banheiro pela altura do ambiente e subtraia a área de portas e janelas.

Recomenda-se somar ainda 5% a 10% de margem de erro. O material deve ser comprado de uma vez só para evitar diferenças de lotes.

Se quiser entender melhor sobre reforma de banheiro pequeno, confira o nosso artigo: Reforma de banheiro pequeno [+ Dicas de decoração e organização]

  • Preço: por último, destacamos o preço dos diferentes materiais. Naturalmente, cada tipo de revestimento exige um investimento diferente, portanto, busque por materiais que cabem dentro do seu orçamento.
    No entanto, vale reforçar que é preciso tomar cuidado com marcas com preços muito abaixo do mercado ou de histórico duvidoso, afinal, isso pode se tornar uma verdadeira dor de cabeça.Então, a nossa dica é analisar criteriosamente o custo-benefício dos produtos escolhidos: aposte nos que trazem uma boa segurança para os usuários do banheiro, e que contam com valores mais acessíveis.Pisos cerâmicos costumam ser os materiais que melhor se encaixam nesses quesitos.

Confira nossa categoria de pisos cerâmicos e aproveite nossos preços!

Como combinar piso e revestimento

Durante as paginações é comum ter dúvidas se o mais correto é usar revestimentos para paredes e pisos de mesmo modelo ou modelos diferentes.

Para isso é necessário fazer uma análise de toda a composição, desde os revestimentos até a iluminação dos espaços a serem decorados, para então buscar a melhor maneira de representar o ambiente de acordo com a escolha do cliente.

Com a gama de produtos diferenciados do mercado e a alta definição dos desenhos, não só os básicos ganham destaque, mas cada vez mais os produtos decorados se encontram presentes na decoração.

Seguindo padrões tradicionais, pode-se dizer, resumidamente, que as cores quentes remetem ao aconchego e à estabilidade. Já as cores frias, por suas propriedades calmantes, combinam com ambientes de relaxamento.

Revestimentos nos tons de vermelho, laranja, amarelo e marrom, ou seja, cores quentes são ótimas para ambientes com maior circulação de pessoas, como salas, cozinhas e ambientes comerciais.

Já em lugares muito pequenos acaba trazendo sensação de sufocamento quando há muitas pessoas no mesmo espaço.

Revestimentos com cores quentes tanto no chão quanto na parede ficam ótimos contrastando com revestimento claro. Essa combinação traz sensação de amplitude no espaço.

As cores frias, no entanto, servem melhor para ambientes como quartos e banheiros. Essas cores claras amplificam o espaço com a luz natural.

O branco passa a mensagem de higiene e pureza, clareia ambientes reduzidos ou com pouca iluminação. E o preto é mais recomendado para ambientes de grandes dimensões.

Exemplos de banheiros revestidos

Banheiro com porcelanato

Banheiro com revestimento em porcelanato.

Banheiro com cerâmica

Revestimento de parede cerâmico imitando tijolinho.

Revestimento mármore

Revestimento cerâmico imitando mármore.

Dica Bônus: como assentar revestimento de parede

Procurando opções com o melhor preço? Confira nossos móveis e materiais para banheiro disponíveis na Obramax!

Conclusão

Ao longo desse conteúdo, você conheceu melhor os diferentes tipos de revestimento para banheiro, informação fundamental para quem quer agilizar a obra e diminuir os gastos na reforma.

Aproveite as nossas dicas e garanta a entrega de uma casa impecável e incrível para o cliente.

Ficou interessado em aprender mais? Temos vários conteúdos do tipo aqui no Blog do Max, não deixe de conferir!

Autores

  • Rodrigo Crixi
  • Marco Lima

    Jornalista com ampla experiência em Marketing Digital com foco em conteúdo para web. Atua desde 2021 na produção de artigos para o blog da Obramax em conjunto com especialistas técnicos no segmento da Construção Civil.