Limpeza de ar condicionado: veja quando e como cuidar do seu equipamento

Limpeza de ar condicionado

Quem tem ar condicionado em casa ou no escritório, sabe que nesse começo de ano o equipamento é bastante usado, afinal, estamos no verão e as temperaturas durante o dia são bem altas em diversas regiões do país.

Contudo, você sabia que realizar a correta limpeza de ar condicionado é fundamental para garantir que o aparelho dure por bastante tempo e garanta esse clima fresquinho no seu dia a dia?

Realizando a higienização do ar condicionado, você previne a proliferação de ácaros, poeiras e diversos outros elementos que podem ser acumulados nos filtros e demais componentes do aparelho.

Não sabe como fazer a limpeza de ar condicionado? Então, continue a leitura, separamos dicas sobre quando e como limpar, além dos benefícios que essa simples higienização pode oferecer!

Quando e como fazer a limpeza de ar condicionado?

Antes de mais nada, é importante comentar sobre a periodicidade da limpeza de ar condicionado.

De maneira geral, o intervalo entre a higienização varia de acordo com o aparelho, local da instalação e frequência de uso.

Como destacamos, a limpeza é primordial para o bom funcionamento do equipamento, uma vez que a falta de manutenção pode diminuir a capacidade de refrigeração, aumentar o consumo de energia, além dos prejuízos à saúde.

Então, para fugir desse tipo de dor de cabeça, veja abaixo indicações de quando limpar o ar condicionado e como fazer isso:

Semanal

Limpeza semanal de ar condicionado

A primeira sugestão é a limpeza semanal do ar condicionado, tanto em residências quanto empresas. Nesse caso, a dica é fazer uma higienização básica nos filtros de ar. Para isso, desligue o aparelho da tomada, remova o painel frontal (modelos split) e passe um pano úmido.

Informação importante: o filtro deve ser retirado e lavado com água morna e detergente neutro. Deixe secar na sombra antes de colocá-lo de volta no ar condicionado.

Mensal

Já a limpeza mensal é indicada para ambientes empresariais e deve ser executada de forma completa, principalmente em cidades que apresentem altos índices de poluição ou calor.

Diferentemente da limpeza anterior (que é mais simples), esse tipo de serviço deve ser feito por um profissional qualificado, pois todo o aparelho é desmontado e suas peças limpas ou trocadas individualmente.

Semestral

Em relação à higienização semestral, a dica é substituir os filtros de carvão ativado. No caso de empresas, por exemplo, além de trocar o filtro, é necessário fazer a limpeza externa. Para regiões com menos poluição ou ambientes em que o ar condicionado não é tão solicitado, a higienização completa pode ser feita nesse intervalo de tempo.

Anual

Por fim, a limpeza anual é recomendada para quem tem o ar condicionado em casa. Essa higienização deve englobar as unidades interna e externa do aparelho e ser realizada por um profissional, pois será preciso verificar o isolamento e travamento da tubulação.

Como limpar a parte de fora do ar condicionado

Além da periodicidade para limpar o ar condicionado, é válido ressaltar que a limpeza da parte externa do equipamento pode ser feita em intervalos menores, já que é uma demanda mais simples. Em geral, a dica é fazer isso uma vez por semana para evitar o acúmulo de poeira.

Para esse trabalho, basta usar água, detergente neutro e um pano. Evite usar produtos químicos, abrasivos e multiusos para não danificar e/ou amarelar a superfície do ar condicionado.

Aproveite e confira o vídeo do nosso canal Obra é Compromisso com dicas do especialista sobre como cuidar do seu ar condicionado:

Leia também: Confira dicas para uma instalação de ar condicionado perfeita

5 sinais de que você precisa fazer a limpeza de ar condicionado

Sinais para lavar o ar condicionado

Naturalmente, nem sempre é possível seguir o calendário de limpeza do ar condicionado, por isso, listamos abaixo 5 sinais que indicam que o seu aparelho precisa de uma manutenção:

1. Filtro parece sujo e empoeirado

O acúmulo de sujeira no ar condicionado é prejudicial de duas formas: 1-) impede o funcionamento eficiente do aparelho, o que aumenta o consumo de energia elétrica; 2-) espalha a poeira em todo o ambiente, gerando um grande problema para pessoas que sofrem com alergias.

Em outras palavras, se reparar variações bruscas no gasto de energia ou perceber alergias mais realçadas, vale a pena dar uma olhada no filtro do seu ar condicionado.

2. Desempenho abaixo do esperado

Imagine um dia muito quente e você ligar o ar condicionado para refrescar o ambiente, mas ele não consegue superar o calor no local. Isso é um sinal claro de que o aparelho não está funcionando da melhor forma possível.

Se o dimensionamento do ar condicionado foi feito corretamente e isso está acontecendo com você, recomendamos chamar um profissional especializado para avaliar o equipamento.

3. Barulhos estranhos no ar condicionado

Qualquer ruído incomum do ar condicionado deve ser investigado, pois isso é um sinal claro de que algo está errado, até porque esses barulhos tendem a piorar se o problema não for resolvido.

Em geral, esse tipo de situação pode significar que alguma peça está solta ou o aparelho está desequilibrado por acúmulo de poeira na sua parte interna. Um bom exemplo é quando as aletas da bobina ficam cheias de mofo e bactérias, bastando uma boa higienização para resolver essa dor de cabeça.

4. Mau cheiro

Além de ruídos estranhos, um cheiro ruim também pode indicar que o seu ar condicionado precisa de uma boa limpeza.

Caso não saiba, esse tipo de equipamento conta com uma bandeja de drenagem que pode entupir, propiciando o crescimento de mofo e bolor que, por consequência, libera um odor bem característico e incômodo.

Às vezes, essa água acumulada e o espaço escuro do equipamento tornam-se uma verdadeira tentação para pequenos animais, como lagartos, que podem ficar presos e até mesmo se decompor dentro do ar condicionado.

5. Equipamentos com 1 ano sem limpeza e manutenção

Por último, se você não percebeu nenhum dos sinais acima, mas já se passou 1 ano desde a última limpeza ou manutenção, não tenha dúvidas: o seu ar condicionado precisa de uma limpeza, pois é possível que ele esteja abrigando poeira, sujeiras e poluentes microbianos que são prejudiciais à saúde.

Vantagens da limpeza de ar condicionado

Se ainda não está convencido de que a limpeza do ar condicionado é importante para o dia a dia na sua casa ou comércio, veja abaixo uma relação das principais vantagens desse tipo de serviço:

Menos problemas técnicos

O acúmulo de poeiras pode obstruir os filtros, as turbinas, as serpentinas de troca de calor, comprometendo o seu perfeito funcionamento. Tais peças só podem ser devidamente higienizadas por um profissional capacitado que fará todo o processo corretamente e vai garantir a segurança do seu serviço.

Aumento da vida útil

O ar condicionado usado com muita frequência precisa receber uma limpeza periódica e uma mais profunda semestralmente ou anualmente, pois há mais acúmulo de poeiras. E o aparelho que não é utilizado também precisa de cuidados para evitar enferrujamento, principalmente em cidades litorâneas.

Saúde

A poeira instalada no interior tem fungos, ácaros, bactérias e outros poluentes (dependendo do ambiente), que podem causar doenças respiratórias, quadros alérgicos e problemas de pele, por isso é importante saber como limpar o ar condicionado.

Economia

Os resíduos no ar condicionado impedem seu completo funcionamento, forçando mais o compressor para climatizar o ambiente, o que gera mais gastos de energia.

Conclusão

Ao longo deste conteúdo explicamos melhor como fazer a limpeza do ar condicionado e por que ela é tão importante.

Como vimos, esse tipo de manutenção, além de ser extremamente benéfica para a saúde das pessoas, também contribui para aumentar a vida útil do equipamento.

Lembre-se que aparelhos residenciais podem ser higienizados em intervalos maiores, enquanto ar condicionado em escritórios e comércios exigem uma limpeza mais frequente.

Se estiver na dúvida na hora de realizar esse procedimento, a dica é contar com o suporte de um profissional especializado.

Ficou interessado em aprender mais? Temos vários conteúdos do tipo aqui no Blog do Max, não deixe de conferir!

Autores

  • João Fernandes

    Experiência em 23 anos na área de gestão comercial de diversas categorias de produtos, em empresas renomadas no mercado. Atua na Obramax como líder de produto no departamento de Climatização e Iluminação.

  • Marco Lima

    Jornalista com ampla experiência em Marketing Digital com foco em conteúdo para web. Atua desde 2021 na produção de artigos para o blog da Obramax em conjunto com especialistas técnicos no segmento da Construção Civil.